PLANTÃO

Notícias

Papa expressa solidariedade aos atingidos por terremoto na Indonésia

O papa Francisco prestou, neste domingo (30), solidariedade às pessoas afetadas pelos terremoto e pelo tsunami que, na sexta-feira (28), atingiram a Ilha de Celebes, na Indonésia. Após a tradicional Oração do Ângelus dominical na praça de São Pedro, Francisco rezou pelos mortos e feridos e todos os que perderam suas casas. Em suas orações, o papa pediu também proteção para as pessoas que trabalham nos serviços de resgate. Neste

SecultBA divulga resultado da análise prévia do Edital de Mobilidade Artística e Cultural 4ª chamadaO resultado da análise prévia da quarta chamada do Edital de Mobilidade Artística e Cultural 2018, seleção pública que conta com R$ 400 mil em recursos do Fundo de Cultura do Estado da Bahia, foi divulgado nesta quinta-feira (27). A lista pode ser conferida no site da SecultBA (www.cultura.ba.gov.br). Investindo nas áreas de formação, intercâmbio, difusão

Duzentos e trinta venezuelanos estão a caminho do RS e de Curitiba

Um grupo de 230 venezuelanos partiu às 8h desta terça-feira (25), de Boa Vista, em Roraima, com destino a Curitiba e cidades do Rio Grande do Sul, em mais uma etapa do processo de interiorização de migrantes. Noventa pessoas ficarão em Curitiba. Para Porto Alegre seguem 70. Na cidade de Canoas, ficarão 21 migrantes, no município de Esteio, 9, e em Cachoeirinha, 40. O voo com os venezuelanos tem previsão

Tufão Mangkhut matou pelo menos 74 pessoas nas Filipinas

O número de mortos nas Filipinas pela passagem do tufão Mangkhut aumentou para 74. Esse número, no entanto, pode ser maior pois as equipes de resgate fazem trabalhos de busca por dezenas de pessoas soterradas em uma mina abandonada devido aos deslizamentos de terra. Há ainda 55 desaparecidos e 74 feridos vítimas do maior tufão da temporada que arrasou o norte da ilha de Luzon, segundo os últimos dados oficiais da

Mais 190 venezuelanos vão hoje de Roraima para o Rio Grande do Sul

Dentro da oitava etapa do processo de interiorização de imigrantes iniciado ontem (12), mais de 190 venezuelanos deverão embarcar hoje (13) de Boa Vista (RR) para as cidades gaúchas de Canoas e Esteio. Ontem, cerca de 200 já haviam deixado a capital de Roraima com destino a Canoas. A previsão é de que o Boeing 767 da Força Aérea (FAB) decole às 9h e chegue ao aeroporto Salgado Filho, em

Chile enfrentou fantasmas da ditadura, mas outros perduram

Em 11 de setembro de 1973, choviam bombas sobre o Palácio de la Moneda, em Santiago, no Chile. Naquele dia, a democracia era demolida no país. Desde então, 45 anos se passaram e o cenário de guerra foi transformado em uma nação que admitiu seus erros publicamente, na tentativa de se recuperar. Contudo, ainda hoje, algumas rachaduras causadas pelos 17 anos de ditadura ainda podem ser vistas na estrutura da

Ação de latino-americanos na ONU quer promover o isolamento de Maduro

Onze países que se reúnem no Grupo de Lima (Argentina, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Guatemala, Honduras, México, Panamá, Paraguai e Peru), encaminharam à Organização das Nações Unidas (ONU) uma resolução em que condenam violações na Venezuela e incentivam o isolamento do atual governo. O Brasil, entretanto, não copatrocionou o documento. Caso a resolução seja votada, o Brasil votará a favor, uma vez que o governo brasileiro mantém seu “absoluto

Iniciativa prepara refugiadas para o mercado de trabalho brasileiro

O programa Empoderando Refugiadas começou nesta quarta-feira (29) mais uma série de workshops para preparar mulheres vindas de diversos países para o mercado de trabalho brasileiro. As estrangeiras terão quatro encontros assuntos que vão desde a elaboração do currículo até noções de empreendedorismo, passando por educação financeira e especificidades da cultura brasileira. “Entre os workshops, para não se perder esse vínculo, tem sessões presenciais de coaching, para trabalhar a parte profissional e também emocional

Argentina pede liberação de US$ 3 bi ao FMI

O governo do presidente da Argentina, Mauricio Macri, solicitou a liberação ao Fundo Monetário Internacional (FMI) de US$ 3 bilhões adicionais. A informação é do ministro da Fazenda, Nicolás Dujovne. Pelo acordo, que deve durar quatro anos e vai até junho de 2020, serão liberados US$ 50 bilhões. Há dois meses, o FMI repassou US$ 15 bilhões ao país. O ministro da Fazenda confirmou também que houve um pedido do governo