PLANTÃO

Salvador

Homem é preso após torturar e violentar ex-companheira

“Ele disse a ela que iria cegá-la totalmente e matá-la, e que ela pensasse duas vezes antes de procurar a polícia, mas nós estávamos ao lado da vítima e o prendemos em flagrante”, informou a delegada Clécia Vasconcelos, titular da Delegacia Especial de Atendimento a Mulher (DEAM). As sessões de torturas e agressões duraram quatro meses, até que na última quinta-feira (13), Renata tomou coragem e fugiu, procurando abrigo na