O Vitória da Conquista promete dar muito trabalho em 2018, e quer voltar a ser a pedra no sapato de Bahia e Vitória, na briga pelo título inédito do Baianão que bateu na trave em 2015. Para isso, apostou no ex-jogador e hoje técnico Washington “Coração Valente”, e em atletas cascudos e trintões, caso do folclórico Flávio Caça Rato (ou “CR7” como desejar), com vasta rodagem pelo futebol nordestino, do ídolo Tatu, que está de volta ao Bode. Ambos acostumados a infernizar os zagueiros adversários. Além do experiente volante Alan Mineiro, campeão brasileiro pelo Atlético-PR, e do lateral Jeff Silva, de 31 anos.

Fora dos torneio regionais e nacionais em 2017, o BODE trata o Campeonato Baiano com muito carinho para voltar a disputar os torneios de maior relevância e ter um calendário mais encorpado futuramente. Em 2017, a equipe fez apenas 12 jogos, um deles pela Copa do Brasil quando foi eliminado pelo Coritiba no Lomantão após empatar por 1 a 1. Este ano, disputa além do Baianão, o Brasileiro da Série D, vaga conquistada após figurar em 4º no Estadual de 2017.

Hoje, o posto de terceira força do Estado é sem dúvida da Juazeirense, que vem numa crescente nos últimos anos. Em 2017, o Cancão de Fogo garantiu o acesso inédito à Série C do Brasileirão e este ano vai em busca de outro feito, ainda maior, que é avançar ao Campeonato Brasileiro da Série B, se tornando um exemplo para os outros clubes. No entanto, o Vitória da Conquista vem forte para recuperar o posto que ocupou nos últimos anos, quando dava algumas “dores de cabeça” para Bahia e Vitória, principalmente atuando no estádio Lomanto Júnior.

O Vitória da Conquista não poupou esforços e se reforçou bastante para 2018. Ao todo, 18 contratações. Destaque para os cascudos e rodados Flávio Caça-Rato (atacante de 31 anos) e Alan Bahia (volante de 34 anos). O primeiro ganhou fama no Santa Cruz, onde é tratado como ídolo. O segundo foi revelado no Atlético-PR e participou do título brasileiro de 2001. Além de ambos, o Bode aposta em um trio revelado na base do Vitória: Romário (lateral-direito), Gabriel Soares (volante) e Edson Magal (volante).

Veja o elenco do Conquista para 2018:

Goleiros – Jean, Alex Dida, Andrezon e Leandro Silva
Laterais – Fieta, Jack, Romário, William Santos, Vinícius, Cleitinho e Jeff Silva
Zagueiros – Lucivaldo, Silvio, Xandão, Nildo e Gilson
Volantes  – Edimar, Maicon, Mateus, Magal, Gabriel Soares e Alan Bahia
Meias – Dionísio, Kleber Bigu, Diogo Capela, Beleu, Fernando Santos e Eduardo Esquerdinha
Atacantes – Tatu, Rafamar, Flávio Caça-Rato, Sillas Vital e Naôh