Com a marca de mais de 2 milhões de atendimentos, o projeto das policlínicas regionais de saúde chegou a sua 20ª unidade. A inauguração da nova policlínica, instalada em Itaberaba, foi feita nesta sexta-feira (23) pelo governador Rui Costa acompanhado do Secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas. Com investimento de cerca de R$ 29,2 milhões, entre obras, equipamentos e veículos para transporte dos pacientes, a unidade oferecerá serviços ambulatoriais especializados e exames de alta complexidade a uma população estimada em 402.872 habitantes de 23 municípios.

 O Governador Rui Costa destaca que na policlínica serão oferecidos serviços que a maioria da população não tem acesso. “O mais importante que o prédio em si, são os resultados que uma unidade  como esta representará para a saúde da população”, afirma.

Além do investimento para construir e equipar a unidade, o Estado também arcará com 40% dos custos para o funcionamento da policlínica. Os outros 60% são divididos entre os municípios consorciados, proporcionalmente à população de cada um.

O Secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas aponta que este é um projeto inovador do governo do estado, que levou atenção de média complexidade especializada para todas as regiões de saúde do estado, fazendo com que fosse preenchido um vazio assistencial que existia entre a Atenção Básica e a Atenção Hospitalar. “É uma mudança total na realidade da saúde pública da Bahia que foi construída ao longo dos últimos seis anos graças ao esforço de toda a coletividade do governo, capitaneada pelo governador Rui Costa”, afirma Vilas-Boas.

A Policlínica irá atender consultas especializadas em Angiologia, Cardiologia, Endocrinologia, Gastroenterologia, Neurologia, Otorrinolaringologia, Oftalmologia, Urologia, Pequenos Procedimentos Cirúrgicos, Ginecologia, Pneumologia, Dermatologia, Reumatologia, Anestesia, Fisioterapia e Ortopedia. Haverá também atendimento na área de Farmácia Clínica, Enfermagem, Psicologia e Nutrição. Na parte de exames, os pacientes poderão fazer MAPA, holter, ecocardiograma, ergometria, eletrocardiograma, eletroencefalograma, endoscopia digestiva, ultrassonografia Doppler, RX, tomografia e ressonância magnética. Os atendimentos na unidade serão realizados por agendamento, o que garante um serviço rápido e sem filas.

Para a trabalhadora rural Laurenice de Souza, a policlínica trará muitos benefícios. “Tenho sempre que pagar uma consulta médica com um médico especialista por conta de um problema de saúde que tenho na tireóide. Agora com a policlínica isso irá mudar”, comemora ela.

Fazem parte do Consórcio da Policlínica Regional os municípios: Abaíra, Andaraí, Boa Vista do Tupim, Boninal, Iaçu, Ibiquera, Ibitiara, Iraquara, Itaberaba, Itaeté, Lajedinho, Lençóis, Macajuba, Marcionílio Souza, Mucugê, Nova Redenção, Novo Horizonte, Palmeiras, Piatã, Ruy Barbosa, Seabra, Utinga e Wagner.

Mais policlínicas

Com a abertura da unidade em Itaberaba, 367 dos 417 municípios baianos passam a ter a cobertura das policlínicas. Outras cinco unidades estão programadas para serem entregues, sendo duas em Salvador (nos bairros de Escada e Narandiba), uma em Serrinha, uma em Santa Maria da Vitória e outra em São Francisco do Conde.

Hospital Regional de Itaberaba

Em Itaberaba, o Governador e o Secretário também verificaram as obras de reforma e ampliação do Hospital Regional de Itaberaba (HRI). Com previsão de entrega em outubro, a unidade conta com investimento de R$ 20,6 milhões do governo do Estado e deverá ter 90 leitos, entre UTIs, clínicos, enfermaria e observação.