Elas vivem num convento, La Merced na Califórnia (EUA), usam hábito como freiras mas a devoção religiosa delas vem da maconha. Conhecidas como ‘Irmãs do Vale’, essas ativistas fabricam produtos medicinais a partir de suas plantas e vendem pela internet.

WhatsApp Image 2017-04-23 at 09.13.02 (1)

As ‘Irmãs do Vale’ formam uma organização ativista e espiritual. Não pertencem a uma ordem católica oficialmente.’Irmãs do Vale’ também é o nome de seu negócio, que fabrica produtos medicinais a partir de suas plantas. Seus votos estão baseados na conexão com a natureza e as plantas. O propósito principal dessa congregação é poder aliviar a dor através de seus produtos. As irmãs usam CBD, um princípio ativo que, ao contrário do THC, não é psicotrópico. Entre seus produtos de fabricação artesanal há óleos, sabonetes e pomadas.

WhatsApp Image 2017-04-23 at 09.13.02

A legislação da Califórnia permite a atividade das freiras pois naquele estado norte-americano é permitido a plantação da maconha para fins medicinais e, quanto à Igreja, certamente o Papa Francisco abençoaria a causa que tem o objetivo de ajudar ao próximo. Mas elas também fumam um baseado porque ninguém é de ferro, para quem gosta. (Com informações do El País. Fotos Lucy NIcholson /Reuters).

WhatsApp Image 2017-04-23 at 09.13.02 (2)