Classificado como um dos destinos turísticos mais procurados da Bahia, o município de Ilhéus apresentou um balanço positivo durante o feriado prolongado do Dia das Crianças e de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil. Conforme informações da Associação do Turismo de Ilhéus (Atil), a cidade registrou 100% da taxa de ocupação dos leitos da rede hoteleira, fator associado diretamente ao plano de retomada da economia para o setor.

O prefeito Mário Alexandre comemorou o saldo positivo e destacou que a elaboração do plano foi crucial para retomar as atividades de forma segura, atraindo turistas e visitantes mesmo em períodos que antecedem a alta estação.

“Avaliamos as medidas com responsabilidade para assegurar a recuperação econômica sem interferir nas ações de combate à Covid-19. Esse resultado mostra que estamos conseguindo reverter o cenário criado pela pandemia e agregar o trabalho de ilheenses afetados por conta da paralisação das atividades. É isso que queremos. Dar a segurança necessária para que o turista possa desfrutar de uma excelente experiência enquanto visita a nossa terra”.

Para atender a alta demanda, os estabelecimentos tomam todas as precauções necessárias e funcionam mediante cumprimento dos protocolos de segurança sanitária estabelecidos nos decretos publicados pelo Executivo para prevenção à Covid-19. O aumento da procura de Ilhéus como destino turístico aponta um fim de ano promissor para diversos setores da economia local e aquece o trade para a temporada 2020-2021.

As recomendações direcionadas ao ramo hoteleiro incluem disponibilização de álcool em gel 70% em locais estratégicos; distanciamento social; obrigatoriedade de fornecimento de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) aos funcionários; proibição da entrada de clientes sem máscaras; medição de temperatura e desinfecção de áreas comuns, superfícies de contato e de locais de alto tráfego de pessoas.

Além das medidas preventivas, a Prefeitura reforçou o trabalho dos salva-vidas em pontos com maior fluxo de banhistas. O efetivo composto por 80 profissionais atua em postos espalhados pela orla marítima da cidade, orientando e evitando incidentes de afogamento no litoral ilheense.