Jogadores da Suíça chegam a Porto Seguro; Domingo tem entrevista 1A seleção da Suíça desembarcou às 10 horas deste sábado (07) em Porto Seguro e foi recebida com festa pela população. Integrantes da delegação darão neste domingo (08), ao meio-dia, sua primeira entrevista coletiva, no Media Center Internacional instalado no Porto Seguro Praia Resort, na praia de Curuípe, A delegação suíça dará 14 coletivas no Porto Seguro Praia Resort: no domingo, às 12 horas; na segunda-feira (9/6), também às 12 horas; no dia 10, às 15h15; no dia 11, às 13 horas; no dia 12, às 12 horas; no dia 13, às 12 horas; no dia 16, às 13 horas; no dia 17, às 15h15; no dia 18, às 12 horas; no dia 21, às 13 horas; no dia 22, às 15h15, no dia 23, às 12 horas; no dia 26, às 13 horas, e no dia 27, às 15h15.

A prefeita Cláudia Oliveira fez o discurso de boas-vindas aos suíços, falando da satisfação de ter Porto Seguro como base da equipe. “Eles gostaram muito da recepção, desde a chegada ao aeroporto. Sentiram que as pessoas querem que eles fiquem aqui por um bom tempo”, disse a prefeita. “De nossa parte, a cidade terá muita visibilidade, tanto na Suíça quanto na Alemanha (que também se hospedará na região). Sem falar no legado deixado pela Copa, como a reforma do Estádio Municipal e as obras de mobilidade urbana.”

O vice-prefeito Humberto Fonseca, o Beto, ressaltou o fato de as seleções atraírem para Porto Seguro um exército de jornalistas estrangeiros. “A repercussão de mídia espontânea será enorme.”

Embora alguns aparentassem cansaço, os jogadores se mostraram simpáticos e sorridentes. Vários acenaram da janela e alguns filmaram quando o ônibus desceu para o Trevo do Cabral, vindo do aeroporto. No lugar, cerca de 200 crianças das escolas municipais Corujinha Feliz e Manuel Carneiro acenaram com bandeiras do Brasil e da Suíça para o ônibus. “Moro no Brasil, mas vou torcer para a Suíça na Copa”, empolgou-se Karina Nathaly, de 5 anos.

Professora da Corujinha, Claudia Martins, de 42 anos, disse que aproveitou a semana para discutir com os alunos aspectos da vida e da cultura do país europeu. Falando com a reportagem, os estudantes deram a seguinte descrição da Suíça: um lugar frio e montanhoso onde é proibido fazer barulho e as pessoas, além de serem educadas, dividem as tarefas domésticas.

“Eles comem chocolate, pão e linguiça”, disse Julia Nascimento, de 6 anos. “E lá não tem praia”, disse Sara Maciel, também de 6.