Uma força tarefa de fiscalização ambiental foi realizada pela Prefeitura de Ilhéus por meio das secretarias de Meio Ambiente (Sema) e de Serviços Urbanos (Secsurb), na tarde de ontem (8), para remover um amontoado de entulhos colocado às margens da baía do bairro do Pontal, que tentou imitar um projeto de píer, totalmente irregular e ilegal. A Sema e a Secsurb atuaram com fiscais ambientais, de posturas e equipe de Fiscalização de Operações Especiais (FOE), na Avenida Lomanto Júnior. O armengue, feito com pneus e ferros velhos, instalado próximo ao semáforo da Sapetinga, foi removido pelos fiscais da Prefeitura, que utilizaram um carro 4×4 e um caminhão para o transporte do material retirado.

De acordo com a Superintendente de Meio Ambiente da Sema, Joélia Sampaio, o prefeito Mário Alexandre solicitou atitude rápida na função fiscalizadora do Município, a fim de garantir o respeito ao meio ambiente e às normas. “Assim que tomamos conhecimento da construção irregular, que inclusive para ser feita suprimiu parte da vegetação ciliar na baía do Pontal, agimos enviando as equipes à campo. O Ministério Público Estadual encaminhou uma recomendação para serem tomadas as devidas providências, o que só veio a fortalecer o trabalho da equipe que já estava realizando o trabalho quando fomos comunicados pelo MP”.

Fiscalização entulho

O infrator já foi identificado e está sendo buscado pelo município de Ilhéus para receber a autuação, correspondente a uma multa que pode variar de 5 a 50 mil reais. “Pela natureza dessa infração, a multa não vai sair menos do que 30 mil reais”, explicou Joélia.