O prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), prestigiou na manhã desta terça-feira, dia 2, a entrega de cerca de 600 quilos de sementes de milho para representantes de 14 associações de agricultores familiares na Associação Grapiúna de Agricultores Familiares (AGRAFAN), na zona norte do município. Ele aproveitou o momento para também anunciar ajuda para a reforma da sede da instituição.

De forma organizada, os agricultores familiares de Itabuna entraram no período do plantio do milho após as festividades do padroeiro São José. Para reforçar esse trabalho, pelo quarto ano consecutivo a Prefeitura de Itabuna, por meio da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente distribuiu sementes de milho e de hortaliças.

“Durante todo o governo, cumprimos o nosso objetivo de ampliar o acesso às sementes de milho para as famílias do campo e ainda promovemos o desenvolvimento agrícola sustentável”, destacou o prefeito. No encontro de hoje, o prefeito anunciou a doação dos materiais de construção necessários à manutenção da sede da AGRAFAN, trabalho que será realizado em forma de mutirão.

Augusto Castro ainda lembrou vários benefícios que a Administração Municipal tem realizado em prol da agricultura familiar, a exemplo da doação de cestas de Natal, do peixe da Semana Santa, do milho do São João, além de apoio técnico durante todo o ano e o fortalecimento do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

“Itabuna foi a quinta cidade do país a ser contemplada com o maior volume de recursos para fortalecer a agricultura familiar por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA)”, informou o prefeito na saudação aos pequenos produtores na AGRAFAM.

Já o secretário municipal de Agricultura e Meio Ambiente, Moacir Smith Lima, aproveitou o momento para ressaltar a qualidade das sementes, que tem como diferencial a alta qualidade e precocidade.

“O prefeito Augusto Castro fez essa determinação, desde 2021, que temos cumprido com rigor para atender a agricultura familiar e ainda contribuir com a tradição do milho do São João”, relatou. A produção, além do consumo próprio de cada unidade rural, será oferecida ao mercado consumidor, a partir de meados de junho, na Feira do Produtor, no Pontalzinho, centro da cidade.

Receberam as sementes representantes das seguintes associações: AGRAFAN, Bela Flor, Itamarí, ASGRIBAHIA, ALENITA, Horteiros/Nova Ferradas, Manoel Chinês, Ribeirão Seco, Roça do Povo/Ferradas, Morumbi, Mutuns, Piaçaveira e Jacareci.

De acordo com o presidente da AGRAFAN, Davidson Araújo, a expectativa é de uma boa produção. “Aqui na Associação cerca de 250 pessoas serão beneficiadas diretamente com a produção do milho, sendo que o excedente será comercializado, o que é muito bom para nós. Estamos muito confiantes numa boa produção porque além das sementes serem de qualidade, o tempo também está colaborando”, disse.