Decorridos 16 da última reforma estrutural, a Praça Otávio Mangabeira, no coração de Itabuna, começou a ser requalificada pela Prefeitura de Itabuna, por meio da Secretaria de Infraestrutura e Urbanismo (SIURB). Ao todo serão investidos R$ 2.745.562.68 ns reconstrução pelo Programa Praça Viva.

No ato de assinatura da Ordem de Serviço na tarde desta quarta-feira, dia 10, o prefeito Augusto Castro (PSD) saudou os lojistas, comerciantes e taxistas que atuam no entorno da praça que foi construída há 61 anos, exatamente dois anos depois de a cidade comemorar o cinquentenário.

Ele lembrou que quando se refaz um espaço público se oferece um ambiente de convivência que humaniza a cidade, fortalece a cultura, a qualidade de vida e o bem-estar das pessoas. “Essa praça vai ficar muito linda, oferecendo condições de lazer e entretenimento às famílias”, afirmou.

Segundo o Augusto Castro, as obras e serviços serão executados num prazo de 180 dias para transformar o equipamento público do coração da cidade, elevar a autoestima e oferecer mais condições de lazer e entretenimento à população. “Depois de sanear as contas públicas, elaborar projetos e obter financiamentos externos oferecemos à cidade os maiores investimentos de sua história”, disse

O prefeito lembrou que outras as praças dos Capuchinhos, no Conceição; Antoninho de Queiroz, no Fátima; do Trabalho, Pontalzinho; e Piedade, no Califórnia, Alvorada, no Sarinha; Alegria, no Fonseca; Lomanto Jr. no Lomanto; Simão Fiterman, no São Caetano; Pastor Hélio Lourenço da Silva (Praça do Cacau), e Celso Fontes Lima, também no Góes Calmon, são as próximas a terem ordens de serviço.

Ele também anunciou para amanhã, dia 11, às 10h, a solenidade de assinatura da Ordem de Serviço para início das obras do Centro de Referência em Saúde da Mulher, unidade que será um marco para a história do município e será construída na área onde há mais de 50 anos funcionou o SESP, no centro, com recurso das faculdades de Medicina no âmbito do Programa Mais Médicos.

Ainda, a liberação de R$ 1 milhão para a reforma da Casa da Cultura, na Praça Laura Conceição, onde funcionou até o final da década de 1980 a antiga Cadeia Pública e foi transformada na sede da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC), e maior diálogo com os agentes culturais em torno de projetos e Fundo Municipal de Cultura.

Por meio da Secretaria de Infraestrutura e Urbanismo (SIURB), a reforma da Praça Otávio Mangabeira, popularmente chamada de Praça Camacan integra o Programa de Acelera Itabuna (PAI) – o futuro começa aqui, o maior programa de urbanização já executado no município.

A titular da SIURB, secretária Sônia Fontes, falou de sua felicidade em requalificar a praça, que tem 10 mil metros quadrados. “Lutamos por recursos e projetos para esta praça por sua importância histórica”, falou.

“Aqui temos a contribuição de arquitetos e urbanistas da Prefeitura. Quero destacar as arquitetas Rafaela Velanes, que ofereceu o projeto básico, e Stefani Brito. Nesta obra não vamos perder nenhuma das árvores que embelezam este espaço há anos”, elogiou a secretária.

Ela citou ainda a modernização com novos materiais, uma nova fonte com leitura urbanística com uma versão em jatos em vez da piscina. “Outras novidades são novidades: dois estacionamentos, iluminação em LED e pisos novos e parquinho. Além disso, 18 unidades de quiosques padronizados para o conforto aos frequentadores na maior praça de alimentação ao ar livre da cidade.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas, Carlos Veloso Leahy, elogiou os novos investimentos na área comercial da cidade, que nos três anos ganhou duas novas praças – Prefeito José de Almeida Alcântara (Jardim do Ó) e Santo Antônio, recapeamento de avenidas. “Em nome do comércio a gente agradece esse presente de ano novo”, discursou.