A Tabôa Fortalecimento Comunitário, organização sem fins lucrativos sediada em Serra Grande (Uruçuca, sul da Bahia), lançou, na sexta-feira (24), o Fundo de Desenvolvimento Comunitário. O mecanismo chega para fomentar o engajamento e mobilizar doações de indivíduos, empresas e organizações para potencializar iniciativas comunitárias que atuam na valorização do território e no enfrentamento das desigualdades em Serra Grande e entorno.
O diretor executivo da Tabôa, Roberto Vilela, explica que, desde 2015, a organização investe no fortalecimento comunitário por meio da doação de recursos financeiros e do fortalecimento de capacidades de lideranças, coletivos e associações. ”A ideia de criar um fundo vem no sentido de mobilizar potenciais apoiadores das iniciativas de base comunitária, por meio de um mecanismo transparente, que acompanha e fortalece os projetos apoiados, e também gera informações sobre resultados desse apoio. Além disso, a criação do Fundo de Desenvolvimento Comunitário busca viabilizar a participação e a transparência nos processos de seleção dos projetos, por meio das suas instâncias participativas de decisão”, explica.
As doações recebidas via Fundo são destinadas a associações, coletivos e organizações comunitárias que, muitas vezes, enfrentam dificuldades no acesso a recursos. Em 2022, a Tabôa realizou um diagnóstico que identificou, pelo menos, 25 iniciativas comunitárias em Serra Grande, com foco em agendas socioambientais, como: juventudes, equidade de gênero, educação, arte e cultura, meio ambiente, participação cidadã, agricultura sustentável, turismo de base comunitária, dentre outras.
A primeira rodada de apoio teve início em 2022 e se desdobra em 2023, com o aporte total de R$ 105 mil e apoio técnico para três iniciativas comunitárias de Serra Grande, que respondem a causas e demandas identificadas na escuta das comunidades e também em pesquisas realizadas pela Tabôa. São elas: Associação Cultural Circo da Lua, Feira Comunitária Saberes e Sabores e Coletivo Serra Cria.
Robson Bitencourt, gerente do Programa de Desenvolvimento Territorial de Serra Grande e Entorno, área responsável pela gestão do Fundo na Tabôa, conta que a primeira rodada de apoio foi muito positiva do ponto de vista de relacionamento e organização das iniciativas e de captação de recursos. “Serra Grande é muito rica de projetos, de ideias, de lideranças comunitárias, de movimentos que fazem a coisa realmente acontecer. Não é à toa que em nosso vídeo manifesto tem uma frase muito emblemática: ‘o caminho é comunitário’. Por isso, o Fundo é uma estratégia para promover uma cultura de doação e engajamento no território”, comenta Robson.
Um diferencial do Fundo é que 100% dos recursos doados são repassados às iniciativas selecionadas para receber apoio, descontando-se imposto de doação e custos da transação bancária. “Nós encorajamos a conexão direta entre doadores e iniciativas, mas nos colocamos à disposição para fazer essa ponte, quando necessário. A Tabôa atuará na mobilização de  recursos para o Fundo por meio da apresentação do mesmo a pessoas, empresas e ONGs nacionais e internacionais. Para além dos recursos financeiros, o Fundo aporta apoio aos projetos por meio de trilhas de aprendizagem em temas institucionais como mobilização de recursos e o apoio na comunicação para maior visibilidade dos projetos”, explica Roberto.
Conheça o Fundo de Desenvolvimento Comunitário 
Doar para o Fundo é uma oportunidade de apoiar o desenvolvimento sustentável de Serra Grande a partir da escuta e do protagonismo das comunidades, valorizando saberes locais e respondendo a demandas trazidas por quem vive e transforma positivamente o território. Interessados(as) em somar forças e contribuir para fortalecer iniciativas comunitárias que atuam no território podem saber mais sobre o Fundo em www.taboa.org.br/doe.