O presidente da Fundação Cultural Palmares (FCP), Sérgio Camargo, abriu um concurso para selecionar um novo logotipo para instituição, nesta terça-feira (17). Conforme o edital do certame, a imagem deverá rememorar “exclusivamente à nação brasileira”. O prêmio final equivale a R$ 20 mil. A abertura do edital foi publicada no Diário Oficial da União (DOU).

Atualmente a logo da entidade representa o machado do Orixá Xangô, Rei da Justiça, nas religiões de matrizes africanas. Camargo já havia declarado o desgosto pela arte, quando descobriu do que se tratava e a argumentação utilizada para mudança da marca refere-se a laicidade do Estado.

“O logotipo da Palmares sempre me desagradou, mas eu achava que era uma palmeira estilizada. Santa ingenuidade!”, escreveu Camargo nas suas redes sociais, em maio.