Quatro pessoas foram presas nesta última terça-feira (4) sob suspeita de manter idosos e doentes em cárcere privado no Centro de Recuperação Projeto de Instituição Evangelizar, ou Centro de Recuperação IDE, no distrito de Humildes, em Feira de Santana.

De acordo com o Ministério Público da Bahia (MP-BA), foram encontrados 20 idosos e doentes no local, que funcionava de forma clandestina sem alvará sanitário. O órgão também informou que a operação cumpria uma decisão Judicial de um pedido para interditar o local, onde foi constatada a prática de maus-tratos.

A decisão determinou o fechamento do Centro e o encaminhamento dos pacientes da instituição para as famílias ou outros locais que possam atender as necessidades deles.

Conforme o MP,  foi constatada a existência de um galpão na área externa da instituição, onde foram encontrados 20 pacientes. Há também a suspeita de que pacientes eram mantidos trancados e separados dos demais, sem cuidador, em cárcere privado e sofriam maus-tratos.