A Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) pautou para esta terça-feira (19) a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), de autoria do Executivo, que prevê uma receita de R$ 50,7 bilhões para o ano de 2022. A sessão extraordinária está marcada para começar às 15h, de forma mista (presencial e virtual).

A proposta tramita na Casa desde 13 de maio e foi alvo de um pedido de vista feito pela bancada de oposição no último dia 5.

Presidente interino do Legislativo, o deputado Paulo Rangel (PT) afirmou ao Metro1 que, nos próximos dias, dará encaminhamento as pautas conforme o que já foi planejado, sem “nenhuma novidade”, pelo titular do posto, Adolfo Menezes (PSD) —atualmente, governador em execício por ocasião de viagem internacional de Rui Costa (PT) e do vice João Leão (PP).