O papa Francisco doou 100 mil euros, equivalente a R$ 556 mil na cotação atual, para atender as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul. A imprensa do Vaticano divulgou a informação nesta quinta-feira (9). De acordo com a Santa Sé, o valor foi destinado através da Esmolaria Apostólica, para auxiliar aqueles que estão desabrigados devido a tragédia climática.

O arcebispo de Porto Alegre e presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Jaime Spengler, também confirmou a informação da doação.

“Fomos informados através da Nunciatura Apostólica de que o Santo Padre destinou um valor substancial, através da Esmolaria Apostólica, para auxílio dos desabrigados. Este valor foi em torno de 100 mil euros e será repassado para o Regional Sul 3 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, o regional que abrange todo o Rio Grande do Sul, para auxiliar no que for possível”, declarou dom Jaime Spengler.

No último domingo (3), o líder da Igreja Católica já havia manifestado sua solidariedade aos afetados pelas fortes chuvas e enchentes que atingem o Rio Grande do Sul. “Quero assegurar a minha oração pelas pessoas do estado do Rio Grande do Sul, no Brasil, atingidas por grandes inundações. Que o Senhor acolha os mortos e conforte os familiares e quem teve que abandonar suas casas”, disse papa Francisco.